domingo, dezembro 23, 2007


Desde sempre, associo a Música no Coração ao Natal.

Assim, aqui deixo uma prendinha para vocês
e, em especial, para os meus sobrinhos Sofia e Diogo :o)

Para acompanhar a cantar, afinado ou desafinado.

___


The Sound of Music














Do Re Mi


My Favorite Things


Edelweiss



Gosto de todas as músicas do filme.
Por isso, a escolha das 3 músicas prende-se com o universo youtube ou com a minha falta de jeito (porque não consegui encontrar muito mais...)

Junto Climb Every Mountain numa versão que encontrei por lá:







___

- Wikipedia, The Sound of Music (film)
- Movie vs. Reality: The Real Story of the von Trapp Family
- IMDb
- Reel Classics
- Senses of Cinema, "How Do You Solve a 'Problem' Like Maria von Poppins?" by Peter Kemp
- A photo portfolio — filming ‘The Sound of Music’

___
* - o My Favorite Things pedi emprestado ao Intruso.

4 comentários:

Soledade com gatos disse...

Agarrei um bocadinho desta prenda de Natal que deste aos teus sobrinhos e tomei-a para mim. É que a Música no Coração e eu, também... :-) E o post - todo ele - está uma delícia!
Um bom ano ano, Luísa, verdadeiramente bom! Com alegria e esta tua arte de fazer de tudo coisas tão bonitas!
Um beijinho
Beijinho

Soledade com a gata gorda ao colo disse...

... queria dizer "um bom ano novo". E mandar um beijinho, embora pudessem ser dois :-)

Luísa R. disse...

Olá Soledade,

Gosto muito do filme e faz parte dos meus Natais desde pequenina.
Bem, não serão de todos os Natais mas já devo ter visto o filme mais de meia dúzia de vezes.

Mais tarde, com a idade, vi um pouco mais além do 'Do Re Mi', como é óbvio.

A 'Música no Coração' é muito mais que uma historieta romântica.

Fala também da Resistência ao nazismo;

no orgulho no seu país, na sua história, nas suas raízes e tradições;

no passar essa cultura às gerações mais novas;

no marcar posição frente aos vendidos, aos esbirros;

na luta pela dignidade e pela liberdade.

etc., etc.


E tem uma das minhas músicas preferidas - 'Climb Every Mountain' -
letra e música para resistir, ou tentar resistir, às intempéries, a este mundo muito difícil e, às vezes, impossível de se nele viver...


Tenho a certeza de que concordas comigo :o)

(o facto de ser baseado numa história verdadeira também me diz alguma coisa: é mais um exemplo de coragem e de integridade a ser passado às novas gerações.
Já me disseram que o livro é mais interessante que o filme, mas nunca o li)


Um bom ano novo também para ti, Soledade, para a tua família e para a tua gata gordinha :o)

Ah... e com muita poesia! Sempre.

Beijinhos

Luísa R. disse...

Para ver o filme noutra perspectiva, pode ser interessante ler, por exemplo, isto:

«A film that was easy to mock as stale and conventional in the wake of the French Nouvelle Vague (and on the brink of "Bonnie and Clyde") is far easier to appreciate now (...)»

para ler na íntegra aqui.

----

Camp?
So?