quarta-feira, abril 25, 2007

___



Alexandre Arrechea, The Garden of Mistrust, 2004-05, White enamel metal tubing with 20 surveillance cameras



Katsuhiro Saiki, Place #2, 2002, c-print, plexiglass, plywood, paint, 18x120x120cm (detail)



Katsuhiro Saiki, Place #2, 2002, c-print, plexiglass, plywood, paint, 18x120x120cm



Martin Puryear, Ladder for Booker T Washington, 1996
(photo Timothy Boss)



Anselm Kiefer, Book with Wings, 1992-94
(photo Timothy Boss)

___

4 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Gosto muito da obra de Anselm Kiefer. Esta especialmente é linda!

Luísa R. disse...

Eduardo,

Eu também gosto muito da obra do Anselm Kiefer.

Acerca deste trabalho não sei muito.

No entanto, quis integrá-lo nos posts publicados no dia 25 de Abril.

Como sabe, neste dia comemora-se a revolução e celebra-se a liberdade.

Neste post, tentei fazer uma linha do tempo.
Desde a tentativa de voar, passando pelo sentimento de que tudo seria possível, até à conclusão de que o sonho, afinal, não passava disso.
E acaba com os dias de hoje.
A liberdade tem ainda poucos anos de vida, com muitos avanços e recuos.
Talvez, neste momento, em Portugal, estejamos a recuar. É o que sinto.

O 2º post desse dia, é um poema sobre a liberdade e a resposta à última imagem do post anterior.

Não tenho cor política.
Mas a liberdade é um valor primordial para mim.

manhã disse...

fantástico!

Luísa R. disse...

Bem vinda, Manhã :o)