terça-feira, novembro 28, 2006


André Kertész, The White Horse, New York, 1962

___

4 comentários:

heitor disse...

A fotografia é magnífica pela composição. Na mesma data, 17 de
Outubro de 1962, e julgo que no mesmo local, Kertész tirou outra fotografia, chamada Promenade, em que o muro da casa é visto do exterior, se não me engano. Entre as ramagens revelam-se dois passantes, e novamente só aparecem as pernas, estando o rosto ou a cabeça escondidos. Curioso.
Não sei se conheces a foto, mas a que tu exibes é mais interessante.

intruso disse...

cavalo de luz
cavalo de sombra

...

Luísa R. disse...

Heitor,
Graças a ti, agora conheço.
Obrigada :O)

Luísa R. disse...

Intruso,
Sempre um olhar poético...
:)